SBT se pronuncia após funcionário ser flagrado com diretor





Nesta terça-feira (28/5), depois de repercutir que um funcionário do SBT foi flagrado em cenas quentes com um diretor, a emissora se pronunciou através de uma nota oficial, divulgada pela assessoria de comunicação.


“O SBT informa que seu departamento de Compliance já está averiguando a denúncia a respeito de um suposto episódio ocorrido em um dos camarins da emissora”, dizia um trecho do comunicado.

A equipe do canal de Silvio Santos seguiu: “Contudo, não pode divulgar publicamente nenhuma investigação, uma vez que tem o compromisso de confidencialidade do processo, para preservar os seus colaboradores”.

Porém, a coluna Fábia Oliveira, que sabe de tudo e mais um pouco, descobriu com exclusividade que o funcionário foi mandado embora após o incidente. O colaborador havia começado no SBT através de uma terceirizada, prestando serviço para uma loja de conveniência localizada nas dependências do canal.

Há alguns meses, ele foi dispensado e recontratado em seguida, diretamente pela emissora. O convite teria sido feito pelo tal diretor com quem estava fazendo sexo no camarim. O mesmo que foi promovido há algumas semanas e é de confiança da cúpula da rede.

Segundo o site TV Pop, o tal executivo, trabalha em uma das apostas do canal para o público infantojuvenil, além de estar envolvidos em vários projetos relevantes na nova programação do SBT. Ele também atende diretamente uma das filhas do patrão e no documentário sobre a vida do dono do baú.

O flagra entre o funcionário e o diretor aconteceu em um dos camarins da emissora, em plena luz do dia, no horário de expediente. Uma camareira chegou bem no ato e viu os dois em clima bastante íntimo. Tanto, que nenhum deles ligou para as câmeras de segurança. Eita!

Essa não seria a primeira vez que o diretor usa as instalações de onde presta serviço como motel. No ano passado, o rapaz teria feito a mesma coisa, durante uma festa de confraternização. Na ocasião, o incidente foi abafado, já que tal profissional conta com a estima de outros executivos, por estar há mais de duas décadas na rede.


O Compliance do SBT orienta os diretores a não se relacionarem com seus subordinados. Mais ainda consumar a libertinagem nas dependências do serviço. Depois da toalha freada deixada por Dudu Camargo, tudo é possível, não é mesmo, meus caros leitores?

metropoles

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.