Operação destrói 448 mil pés de maconha em Pernambuco e na Paraíba, diz Polícia Federal



Compartilhar
Facebook
Twitter
WhatsApp
Imprimir



A Polícia Federal em Salgueiro/PE vem promovendo ações de identificação e consequente erradicação de plantios de maconha no sertão pernambucano. Tais medidas têm o objetivo de reduzir a produção e oferta de maconha na região.







Dessa vez, foi concluída a Operação Terra Livre Fase IV de erradicação e destruição dos plantios de maconha no Sertão Pernambucano de 2024, que compreendeu entre os dias 6 e 26 de maio. Foram realizadas três fases (levantamento, percursora e deflagração da operação), em que conseguiu-se erradicar e destruir cerca de 448 mil pés de maconha e destruição de 45 mil mudas que estavam em 78 plantios, além da apreensão de 3,1 toneladas de maconha pronta para o consumo. Ao todo 152 toneladas de maconha deixaram de ser produzidas.

Os plantios foram localizados por meio de levantamentos feitos pela Polícia Federal em algumas ilhas dos Rio São Francisco, na Região de Orocó/PE, Salgueiro/PE, Cabrobó/PE, Belém do São Francisco/PE, Betânia/PE, Flores/PE, Carnaubeira da Penha/PE, Inajá/PE e Parnamirim/PE, Cachoeira dos Índios/PB e Monteiro/PB.

Destaque para uma única roça que continha 142 mil pés de maconha que foi encontrada e destruída na zona de Inajá-PE – suficiente para produzir cerca de 47 toneladas de maconha.

A ação contou com a participação de policiais federais, civis, penais de PE e AL, militares dos Corpo de Bombeiros e do BEPI-Batalhão Especializado de Policiamento do Interior. Os policiais trabalharam com incursões terrestres e fluviais, com o emprego de botes infláveis e uma aeronave do GTA-SDS-PE (Grupamento Tático Aéreo- Secretaria de Defesa Social).

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.