Preso confecciona máscara com semelhanças faciais de agente para fugir de presídio

O serviço de inteligência da Secretaria da Administração Penitenciária da Paraíba (Seap) encontrou, nesta terça-feira (8), dentro de uma das celas do Presídio Padrão de Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa, uma máscara feita de sabão neutro e sabonete. A máscara tinha formas e semelhanças faciais de um agente penitenciário da unidade.

Segundo o secretário de Administração Penitenciária, Walber Virgolino, há pouco mais de um mês a Seap recebeu a informação sobre um plano de fuga de detentos. As investigações se aprofundaram e, nesta terça, os agentes fizeram um pente fino em uma das celas, onde a máscara foi encontrada.

O detento, que cumpre pena por assalto, foi identificado. Ele nega que o objeto fosse utilizado para fugir. “O apenado disse que a máscara era para homenagear o agente e não para fugir. Mas, vamos abrir uma sindicância para investigar o caso. A máscara é muito semelhante com o rosto do agente”, disse o Wallber Virgolino.

O secretário informou que, caso confirme o plano de fuga, o detento poderá ser responder pelo crime. Porém, Virgollino adiantou que o presidiário deve ser matriculado em um curso de artesanato. “Pela habilidade dele com o artesanato, pode entrar em um curso de ressocialização e começar a mostrar seu trabalho na área".

A máscara foi encaminhada para o Instituto de Polícia Científica (IPC) de João Pessoa.


O agente que teve o rosto copiado na máscara confeccionada pelo preso não quis se identificar (veja detalhes na foto - agente ao lado). No presídio estão cerca de 150 apenados.

Portal Correio com TV Correio

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.